Buscar em     por     
     Minha Conta/Login | Publicidade | Contato     

     Home    PUBLICAR   CADASTRO   Pets Brasil   Postais   Busca RS   Ajuda










  Categorias

Ver Todas as Categorias

Procurar por municípios


  Serviços

Procura um novo amor? Cadastre-se grátis no Cupido BR

Mande postais gratuitos do RS e de todo o país. Agende eventos


  Destacados


Dr. MARCO TÚLIO VICHINSKI ROCHA



     

Você está aqui:   Home > Meio Ambiente > Paraísos Ecológicos > Taim

Os peixes do Taim

Comentários | Adicionar a Favoritos | Enviar a Amigos |


Page Views: 4810
Publicação: 09/09/2007

O peixe-rei, jundiá, viola, um tipo de tainha que somente ocorre na lagoa Mangueira, que chega a ter quinze quilos; e a traíra, que chega a cinco e seis quilos (um peso excepcional para um peixe como esse), são os principais peixes do Taim. Como é uma região sem nascentes de águas (as águas das chuvas são escoadas para as lagoas através dos banhados e canais das fazendas), na época da piracema alguns tipos de peixes como o curimatá, branca ou tambico (carnívoro e que come os demais), lambaris e algumas traíras, sobem os canais por onde a água das chuvas ou das lavouras de arroz é escoada para as lagoas, e terminam morrendo nos campos, onde os banhados acabam. Por algumas vezes tentou-se colocar esses peixes em sacos, devolvendo-os às lagoas, mas o resgate foi inútil, porque o processo era repetido. A seleção natural, nesses casos, tem como instrumento o próprio instinto que procura assegurar a sobrevivência da espécie; esses peixes fazem a piracema, subindo a correnteza até as nascentes, para exercitar-se, procurando amadurecer a ova antes de seu lançamento nas águas, para o nascimento dos alevinos. Como não existem nascentes, eles ficam presos nos banhados rasos, como se estes fossem uma rede. Somente alguns conseguem voltar, e outros procriam nas próprias lagoas, o que garante a grande piscosidade de suas águas.

Fonte:  





Fotos Adicionais


Classificação Média dos Visitantes:    2.50 (até 5)
Número de votos: 2 Votos

Vote no artigo:
 Comentários dos visitantes (0)
escreva um comentário (NÃO é para contatar o site)
(Não foram encontrados comentários. O seu pode ser o primeiro!)




 
     

 


Mapa do Site | Termos de Uso | Política de Privacidade | Fale a Seus Amigos |

Copyright © 1995-2014, Infomídia Produções. Todos os direitos reservados.
Este é um site de divulgação sobre o Estado do Rio Grande do Sul. Quer contribuir? Sua contribuição será muito bem-vinda.